top of page

A Causa da dor é o apego

Apego, julgamento, inconsciência, descontentamento. Devido a impermanência das coisas deste plano em que vivemos, não é duradouro o que satisfaz os desejos e, assim, o resultado final é dor.

É importante meditar no que te causa sofrimento. Esta segunda Nobre Verdade demonstra que a origem dos sofrimentos é o apego ao prazer resultante das causas do prazer e aos objetos de desejo.

As pessoas são insatisfeitas porque apegam-se a emoções, a sensações, a outras pessoas, a "status" ou bens. Até mesmo a saúde, ou a falta dela, se apegam.

Duas pessoas se conhecem e se apaixonam. É saudável, gratificante e bom viver esses sentimentos, aproveitar os momentos de alegria, passeios, as diversões que têm juntos e o sexo que praticam. Porém, inevitavelmente, irá agir a lei da impermanência e, então, essa paixão começará a diminuir, por um ou pelos dois lados. Pode ser logo ou pode ser após muitos anos. Não aceitar esse fim é apegar-se e gera a insatisfação, a dor.

As leis que se aplicam à paixão aplicar-se-ão também ao "status", aos bens, às emoções e sensações e à saúde.

Existe ainda pessoas que se apegam a falta de saúde e tenho visto isso em minha atuação como terapeuta. As pessoas se apegam ao estado de relaxamento de responsabilidades, se apegam a atenção que recebem de quem delas cuida e se apegam, ainda, ao rótulo de mártires por sofrerem com determinadas doenças. E o resultado? A vida lhes dá mais doença, a pessoa piora e isso gera mais insatisfação e dor. Por vezes, a atenção que a pessoa recebe diminui ou até acaba, porque o outro, aquele que cuida zelosamente, se cansa e isso causa mais dor. Ainda, podemos ver quando o cuidador não chega ao estado de cansar-se do doente, mas cai ele em doença, debilitado por seus esforços. Quando o primeiro disso se apercebe, mais dor é gerada.

Há pessoas que ficam insatisfeitas e se apegam ao sentimento de não gostar do trabalho que têm, da casa que têm ou em que moram; Elas se apegam à insatisfação quando enfatizam o sentimento negativo e, mais uma vez, é gerada a dor.

Em alguns momentos, a insatisfação ou a dor é uma questão de consciência – quem nunca viu algo, não faz ideia do que o que lhe aparece é. Ou ainda, podemos verificar indivíduos que sofrem a perda pela morte de algum ente querido ou amigo apenas após receber a notícia da mesma; as vezes o desencarne ocorreu já algum tempo, mas o indivíduo sofre apenas ao receber a notícia.

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page